Deixem Gabriela falar

A semana começou marcada por um episódio lamentavelmente corriqueiro: uma mulher sendo interrompida, oprimida, subestimada, humilhada. O quadro matinal “O Grande Debate”, da recém lançada CNN Brasil, tornou-se por instantes um grande espetáculo de mansplaining (quando homens insistem em explicar o óbvio a uma mulher) e manterrupting (quando eles a interrompem na tentativa de mostrar que ela está equivocada).

A mulher em questão é Gabriela Prioli, comentarista e mestre em Direito Penal, que teve sua capacidade questionada e sua fala invalidada pelos “colegas” Tomé Abduch e Reinaldo Gottino, este, mediador do debate. Mas, tão revoltante quando a cena (que foi televisionada), foi a repercussão do caso: após um pedido de desculpas publicado por Gottino, inúmeras críticas foram feitas a Gabriela – e muitas delas feitas por mulheres.

Convidamos as jornalistas Dani Fechine, Daluanne Melo, Gi Ismael, Jayane Souza, Ana Flávia Nóbrega e Patrícia Rocha para falar sobre isso. Confira.

Tags:

MAIS LIDAS

ÚLTIMAS POSTAGENS

Menu